24 de out de 2008

Energia Solar

Energia Solar e o meio ambiente

O tema é meio ambiente e apreciamos muito meios de fazer economia de recursos naturais, neste caso energia elétrica. Fui incumbido de fazer um levantamento da possibilidade da utilização de energia solar na nossa empresa, à fim de utilizar uma energia com menor impacto ambiental. Neste primeiro momento, não é possível dizer se a energia solar é viável ou se pode ser aplicada somente em algumas áreas da empresa. Então, o objetivo é verificar a viabilidade técnica (custos de implantação + manutenção) e aplicabilidade na prática.

O que é Energia Solar

É a designação dada a qualquer tipo de captação de energia luminosa proveniente do sol e posterior transmofação desta energia em alguma forma utilizável pelo homem para aquecimento de água, energia elétrica ou mecãnica. As plantas utilizam a energia solar para sua fotossíntese.

Meios para a captura de energia solar

O modo usados para a captura da energia solar podem ser Diretos ou Indiretos e também classificam-se em passivos ou ativos.

No modo Direto, há apenas uma transformação para fazer da energia solar um tipo de energia utilizável, por exemplo, captando-se a energia solar por células fotovoltáicas criando assim a eletricidade. Ou ainda, a energia solar atinge camadas escuras para aquecimento de água.
No modo Indireto, deverá haver mais de uma transformação para que surja energia utilizável. Exemplo, sao os sistemas que controlam automaticamente cortinas, de acordo com a disponibilidade de luz do sol.

Vantagens da energia elétrica:

  • não polui e o processo de fabricação das placas são controlados;
  • minima manutenção nas centrais de aquecimento;
  • a energia solar é excelente em lugares distantes;
  • os paineis solares estão sempre evoluindo, ou seja, melhores na captação dos raios solares;

Densvantagem:

  • preços muito altos para implantação;
  • variação na quantidade produzida de acordo com o clima;
  • nos meses de inverno a produção é reduzida drásticamente;
  • as formas de armazenamento da energia são pouco eficientes se comparadas com outros meios de armazenamento;

Na verdade, armazenamento de energia é o grande paradigma da humanidade, pois acumular energia em baterias, além do problema ambiental, temos o problema relacionado aos altos custos, manutenção, espaço para colocar estas baterias e todo um problema logístico que isto acarreta. Quando falamos em nobreak para computadores, baterias de empilhadeiras, pequenos dispositivos, temos uma situação um pouco controlada, mesmo assim de alto custo. Agora pense num cenário onde seja necessário grandes potências para equipamentos pesados, ou grandes ambientes com necessidade de fornecimento de iluminação, por exemplo, um campo de futebol! Logo a resposta, neste primeiro momento é: inviável.

Uma maneira de usar a energia solar, seria para iluminação da forma direta, ou seja, captar a energia/claridade solar e conduzir para dentro do ambiente, como se fosse uma telha de vidro. Mas neste caso tem o problema do aquecimento e incidência dos raios solares que dependendo do produto armazenado, deixa de ser interessante. No meu levantamento, este tipo de aplicação fica fora de cogitação já que trabalhamos com produtos alimentícios (biscoitos, chocolates, leites). Apesar de existir a difusão da luz solar através de um prisma que promete dispersar o calor e os raios solares.

Quando pensamos em fornecimento sob demanda, temos alguns casos interessantes, como a Central Solar Fotovoltaica Sepra (CSFS), a maior do genero no mundo que entrou em funcionamento em Março de 2007, com capacidade para gerar 11 MW, o sufieiente para 8 mil casas. Esta prevista para 2013 uma central com capacidade para 154 MW, projeto Australiano, com capacidade para alimentar 45 mil casas, gerando uma redução na emissão de gases de estufa na ordem 400 mil ton/ano.

Observação: este estudo ainda está em desenvolvimento através de cotações e formas de armazenamento. Qualquer informação adicional é bem vinda.


Referências:
http://pt.wikipedia.org/wiki/Energia_solar
Imagens da wikipedia