29 de set de 2011

Portando Telefonia Fixa para a Sercomtel

Históricamente, a empresa da qual faço a gerencia de ti, gosta de inovar. Não por aventura, mas por necessidade mesmo. Estamos sediados em um local pouco privelegiado quanto à infra-extrutura de telefonia, internet, celular, energia elétrica inclusive estradas. Fomos a primeira empresa do bairro a trazer fibra ótica para conter os roubos de cabos telefônicos. Fomos a primeira empresa a ter um datacenter decente, com dial in para automação da força de vendas incluindo sistemas de pára-raios. Para resolver o problema de telefonia celular, conseguimos uma repetidora interna. Energia, tivemos que colocar uma entrada padrão própria para conter os problemas de queda de energia, já que estamos praticamente no final da rede elétrica.

Agora, estamos testando os serviços de telecom fixa pela operadora Sercomtel, de Londrina - Pr., que aos poucos hasteia sua bandeira em Curitiba, sendo a Stampa, a primeira empresa a fazer a primeira ligação, curiosamente com o Presidente da Sercomtel. Fiquei feliz em receber nas nossas instalações, nada menos que 13 pessoas, entre engenheiro, técnicos e comercial. Realmente, um bom "piloto" podemos oferecer com nossa infra-extrutura, que conta com um Link Wod pela Copel, pelo qual esta sendo tunelado uma vlan de voz. 

Nossa central telefônica,  uma XIP 270, com uma placa dual E1, permitindo receber ligações pela operadora atual e outra permitindo sair pela Sercomtel. Transparente para os usuários e clientes externos. Vamos aguardar 30 dias e portar o canal com 30 linhas e 100 ramais.

A primeira vez que tive contato com produtos de telecom pela Copel, já tive uma excelente experiência. Atualmente, posso assegurar que onde tem a mão destas pessoas, as coisas realmente funcionam. Certamente, a telefonia pela Sercomtel vai seguir o mesmo caminho, já provado aqui pelo profissionalismo, atenção e dedicação que senti nas pessoas que ativarão o serviço de voz. Boa sorte e vida longa!